domingo, 6 de março de 2016

O que a Bíblia diz sobre transfusão de sangue?

Sacrificados no altar da fé
As Testemunhas de Jeová são lembradas no mundo inteiro por dois motivos principais: (1) seu intenso ministério de porta em porta e (2) sua recusa em aceitar transfusão de sangue, mesmo em circunstâncias emergenciais, quando a própria vida está em risco. Mas o que de fato diz a Bíblia sobre transfusão de sangue? É isso de fato uma exigência para os cristãos?

Nesta segunda postagem sobre esse assunto (veja aqui a primeira), vamos examinar os versículos da Bíblia em que se baseia a liderança das Testemunhas de Jeová para impor aos fiéis essa norma que, a despeito do que possa dizer integrantes da religião, tem levado à morte centenas ou milhares de Testemunhas num período de várias décadas. 


Na postagem anterior foi indicado este link para o site oficial da religião, onde se pode ler a justificativa “bíblica” para a recusa em aceitar transfusão de sangue. Leiamos parte dessa justificativa:

Isso é mais uma questão religiosa do que médica. Tanto o Velho como o Novo Testamento claramente nos ordenam a nos abster de sangue (Gênesis 9:4; Levítico 17: 10; Deuteronômio 12: 23; Atos 15: 28,29). Além disso, para Deus, o sangue representa a vida (levítico 17: 14). Então, nós evitamos tomar sangue por qualquer via não só em obediência a Deus, mas também por respeito a ele como Dador da vida.

Como os textos podem ser lidos no próprio site da religião, considero desnecessário citá-los aqui, até mesmo para não cansar o leitor.

Uma coisa básica que precisa ficar clara é que a Bíblia não fala diretamente sobre transfusão de sangue, nem isso existia nos tempos bíblicos. Todas as “proibições” citadas envolvem o uso do sangue como alimento. Somente aí já caberia um importante questionamento: aplicam-se essas mesmas “proibições” à transfusão de sangue?

Àqueles que dizem que as leis de Moisés não se aplicam aos cristãos, visto que a morte de Cristo deu por encerrado o velho pacto, a organização religiosa indica-lhes o capítulo 9 de Gênesis, onde Deus libera o uso de carne animal como alimento, mas exige que não se coma o animal vivo, que este seja primeiro morto, a fim de que o sangue seja derramado na terra em reconhecimento de que só se pode tirar uma vida por permissão divina.

O argumento por trás disso é o seguinte: como é Noé o ancestral comum a toda humanidade, então aquela ordem divina vale como pacto eterno para toda a humanidade.

Tudo bem, isso é possível. Mas a entidade religiosa deixa de explicar por que também não se sujeita a outra ordem que foi ditada logo em seguida (versículo 7):

Quanto a vocês, tenham filhos e tornem-se muitos; multipliquem-se abundantemente na terra e tornem-se numerosos.

Como é sabido por todas as Testemunhas, a liderança até alerta contra ter filhos nestes dias críticos; afirma ainda que as Testemunhas poderiam ser mais felizes se dedicassem mais tempo ao ministério de porta em porta.

A respeito de Levítico 17: 10, os versículos que antecedem deixam claro que se trata de sangue de animais que eram destinados aos sacrifícios. Portanto, só por isso já seria impróprio consumir parte de algo que fora dedicado a Deus. Também, é lógico, valia a norma de Gênesis.

Quando cita o capítulo 17 de Levítico, a liderança religiosa geralmente deixa fora os versículos 15 e 16, que é como segue.

Se alguém, quer israelita, quer estrangeiro, comer a carne de um animal que tenha sido encontrado morto ou que tenha sido dilacerado por um animal selvagem, esse homem terá de lavar suas roupas e se banhar em água, e ficará impuro até o anoitecer; então ficará puro. Mas, se ele não as lavar e não se banhar, responderá pelo seu erro.

A ordem dada a Noé, e repetida a Moisés, era específica de que não se devia comer carne de animal sem que seu sangue fosse antes derramado na terra. Então por que se abre uma exceção? Pelo visto, trata-se de uma situação emergencial, geralmente quando se está na floresta e, por uma razão circunstancial, ou se come a carne que está disponível ou se morre de fome.

Essa situação emergencial ficou evidente no capítulo 14 de 1 Samuel, quando soldados esfomeados mataram animais às pressas e comeram sua carne sem que antes se procedessem à retirada de pelo menos parte do sangue. O resultado da desobediência foi apenas uma séria reprimenda, quando em situação normal isso incorria na morte do infrator.

Não se assemelha isso à situação de alguém que está numa mesa de cirurgia à beira da morte? Considerando que seja válida a interpretação de que Deus ainda deseja que seus servos abstenham-se de sangue, não poderia Ele abrir uma exceção para casos emergenciais assim como ele o fez no antigo Israel?

O livro de Atos parece dar a maior força à organização religiosa. Pois se trata de um livro escrito para os cristãos. Logo, parece claro que Deus de fato exige que os cristãos se abstenham de sangue. Leiamos:

Pois pareceu bem ao espírito santo e a nós não impor a vocês nenhum fardo além destas coisas necessárias:   que persistam em se abster de coisas sacrificadas a ídolos, de sangue, do que foi estrangulado e de imoralidade sexual. Se vocês se guardarem cuidadosamente dessas coisas, tudo irá bem com vocês. Saudações!. (Atos 15: 28,29).

Mas uma leitura de todo o capítulo deixa claro que o objetivo de se escrever essas palavras eram amenizar o atrito constante entre cristãos judeus e cristãos gentios, como na postagem anterior foi bem lembrado pela blogueira Neiva Silva, que até citou Atos 21: 25, onde isso fica bem claro.

Quanto aos crentes dentre as nações, enviamos a eles por escrito a nossa decisão de que devem se abster do que é sacrificado a ídolos, bem como de sangue, do que foi estrangulado e de imoralidade sexual (Atos 21: 25).

Mas que isso não era para ser tomado como uma lei eterna, imutável, depreende-se do que Paulo escreveu no capítulo 8 de 1 Coríntios. Segundo ele, que ali fala sobre comer ou não comer alimentos oferecidos a ídolos (um dos quatro itens “proibidos” no livro de Atos), o que se deveria levar em conta era a consciência de outros cristãos. Se alguns (cristãos) estavam tropeçando porque outros (cristãos) comiam normalmente carne que fora antes oferecida a ídolos, então esses cristãos deveriam refletir e ver se valia a pena usufruir de sua liberdade cristã se o preço a pagar podia ser a paz espiritual de outros cristãos. Por isso Paulo conclui esse capítulo com as seguintes palavras:

É por isso que, se o alimento fizer o meu irmão tropeçar, nunca mais comerei carne alguma, para que eu não faça o meu irmão tropeçar (1 Coríntios 8: 13).

Essa era a mesma atitude que se exigia dos cristãos gentios com relação ao sangue. Se comer sangue (algo comum entre eles) estava fazendo um cristão judeu tropeçar, então era conveniente que eles se abstivessem de comer sangue, ou de fazer qualquer uso dele.

A liderança das Testemunhas de Jeová, mundialmente conhecida como Corpo Governante, se recusa a aceitar essas evidências tão claras nas Escrituras Sagradas.  Antes, com o fim de fortalecer a fé de Testemunhas em sua interpretação bíblica, tem publicado casos de fiéis que foram leias até a morte. A publicação mais chocante foi feita na revista Despertai! de 22 de maio de 1994, inclusive exibindo na capa – como se fossem troféus – as fotos de cerca de trinta adolescentes que morreram em resultado de não aceitarem sangue.



Com o tema “Jovens que colocaram Deus em primeiro lugar”, a entidade religiosa procura incutir na mente das Testemunhas que, em circunstâncias emergenciais, elas precisam tomar uma decisão consciente e que aceitar uma transfusão de sangue significa colocar a Deus em segundo plano, considerando salvar a própria vida algo mais importante que a obediência a Deus. Mas como foi visto, a Bíblia não dá nenhum suporte a esse conceito extremo.

Nada, porém, indica que há mudanças à vista, como mostrará a próxima postagem. 

**************************************

Fontes consultadas

Em Busca da Liberdade Cristã, de Raymond Franz, capítulo 9; 

A Questão do Sangue (clique para acessar). 

**************************************

Todos os textos bíblicos citados são da Tradução do Novo Mundo da Bíblia Sagrada, uma versão bíblica produzida pela liderança das Testemunhas de Jeová. 




Gostaria de conhecer melhor as Testemunhas de Jeová?
Então você precisa ler meu livro
Testemunhas de Jeová – o que elas não lhe contam?

Opções de download aqui


46 comentários:

  1. Oi Lourisvaldo, eu estava no seu blog, morta de sono e iria voltar amanhã.
    É uma imbecilidade e crueldade de coração ver seu filho morrer porque não podia fazer transfusão de sangue. Aqui um menino precisava cortar a perna e tinha que fazer transfusão de sangue e o pai disse não. O filho pedia: "pai eu quero viver...São todos uns assassinos.( Ninguém foi ao enterro).
    De vez em quando vá no Lua Singular.
    Beijos
    Minicontista2








    ResponderExcluir
  2. Acho que quando tiver a oportunidade de vida temos que aproveitar, se tivesse um filho e precisasse de uma transfusão com certeza eu deixaria pois Deus é vida,Lourisvaldo tenha uma ótima semana beijos.
    http://www.lucimarestreladamanha.blogspot.com.br/abraços.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Lourisvaldo.
    Meu amigo, um assunto bem polemico, bem triste. Quem sou eu para julgar meus irmãos em cristo, apesar deles só considerar irmãos que é da mesma religião deles, sei que eles e eu temos o mesmo Pai Amado, independente do nome que eles possam chamar, Deus é único, Pai de todos nós. Deus é amor, que só que o melhor para cada um de nós. Não concordo de forma alguma com esse ponto de vista deles, ate porque deixar um filho morrer, não é amor a Deus, nunca deveriam dizer que é uma lei de Deus, é um enorme engano, que um dia terão que prestar conta desse ato. Não vou julgar a dor, ou a atitude desses pais que tomam essa decisão, mas fico a imaginar a intensidade da dor da perda, por saber que contribuíram de alguma forma com a morte do próprio filho[a] chocante. Uma feliz semana para você, família e todos nós. Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Não julgo ninguém, mas creio que devemos seguir a Deus usando o nosso lado racional em equilíbrio com o coração, além disso o Cristo diz: NINGUÉM VAI AO PAI SE NÃO POR MIM.
    Um abraço.
    Élys.

    ResponderExcluir
  5. Dizem por aí que não cai uma folha de árvore sem a permissão de Deus. Pensando assim, se nos foi dado a oportunidade de perpetuar a vida, através da medicina, e nela existe a transfusão de sangue, então ao meu ver (na minha opinião) se Deus permitiu que fosse descoberto essa possibilidade me parece que é pra ser usada. Talvez minha interpretação esteja equivocada, mas se temos conhecimento para salvar vidas porque não usar?

    Afinal se somos todos irmãos, não vejo problema algum em receber o sangue de utra pessoa, sendo um sangue saudável que mal tem?

    Enfim, cada um interpreta a bíblia da forma que acha melhor pra si eu não vejo dessa forma e jamais deixaria alguém morrer caso houvesse uma chance de vida, mesmo que fosse preciso uma transfusão ...

    Abraços
    Minda =D

    ResponderExcluir
  6. Não concebo, porque Deus condenaria que se salvasse uma pessoa da morte... com uma transfusão... afinal, se a pessoa não sobrevivesse, poder-se-ia considerar, que seria essa mesmo a sua vontade... agora eliminar essa hipótese à partida... não tem para mim, qualquer sentido!...
    Lamento profundamente, a falta de consciência de pessoas, que deixam morrer seus familiares... por via do cumprimento desta interpretação de escritos bíblicos?...
    Adoraria saber o que preconiza o Evangelho segundo Barnabé...
    Ou o Evangelho segundo Maria Madalena... sobre estas questões... só por curiosidade... ainda hoje escondidos a 7 chaves...
    Ou mesmo o Evangelho segundo Judas...
    A Bíblia... escreveu-se de muitas formas... muitas outras versões foram escondidas... haverá muitas interpretações conhecidas... e provavelmente outras tantas por conhecer...
    Um post super interessante! Gostei imenso!
    Abraço! Boa semana!
    Ana

    ResponderExcluir
  7. Olá Lourisvaldo,

    Você seria um ótimo advogado, pois defende seu ponto de vista com eloquência e fundamento.
    Apesar de respeitar todas as religiões e crenças, discordo totalmente do entendimento que a TJ abraça quanto à transfusão de sangue. Considero absurda a hipótese de se recusar a vida, pois ela é um presente de Deus. Ninguém pode concorrer para a sua própria morte, que é o que acontece quando se recusa uma transfusão de sangue absolutamente exigível. As crianças ainda estão em formação e, por isso mesmo, ainda não reuniram elementos para formar a sua convicção religiosa. É incompreensível a decisão de deixá-las morrer por falta de transfusão de sangue. Na verdade, elas não estão colocando Deus em primeiro lugar, pois se pudessem escolher, com certeza, optariam pela vida.

    Obrigada pela amabilidade dos cumprimentos pelo Dia da Mulher. Muito cavalheiro e delicado de sua parte.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  8. É nossa obrigação cuidar do corpo, da saúde, da vida. Creio ser isso o que Deus espera de nós. Se a doação é o único caminho, tenho que aceitá-la é seguir os princípios divinos. Abraço.

    ResponderExcluir
  9. Oi Lourisvaldo, meu já amigo querido kkk!
    É difícil de entender mesmo essa decisão. Só mesmo Deus p/abrir os olhos dessas criaturas. Me parece que a medicina agora tem poder de decisão nesses casos. Não tenho certeza, mas creio que sim por se tratar de ética médica (juramento feito na formatura).
    Bjsssss e uma semana abençoada p/vcs

    ResponderExcluir
  10. quer dizer cara que tu se acha muito inteligente? tenho também algumas passagens da bíblia pra considerar contigo, é obvio que com o texto de atos: 15:28,29 não vai provar muita coisa até porque você vai usar a justificativa de que quando envolve a vida é valido fazer a transfusão, mas , agora eu vou pedir que você que se diz tão perito me explicar porque no livro de Daniel cap: 3 ele faz menção de que se os três hebreus não fizessem o ato de adoração a imagem do rei Nabucodonozor eles iriam direto pra fornalha ardente, o interessante que esse relato se aplica ao próprio texto de atos citado por você onde se diz que devemos nos abster de coisas sacrificadas aos ídolos onde no mesmo se aplica a idolatria.. o interessante do relato de Daniel que mesmo envolvendo a vida os três hebreus não cometeram o ato de adoração e estavam dispostos a morrer pra cumprir uma ordem de Deus, agora se pra você uma doação de sangue significa amor ao próximo isso iria de contrário com o que o apostolo paulo disse em 1coríntios: 13: 3, onde o mesmo relata que mesmo se ele der todos os seus bens e o seu corpo em favor dos outros e não tiver amor de nada me adianta.. ou seja quase todos os dias vemos nos noticiários de tv que o marido matou a esposa por amor.. isso pra você é coerente ? você concorda com esse tipo de amor ? estuda primeiro a bíblia cara em vez de vim falar besteira nesse teu blog.. queria um papo contigo era cara a cara pra ver você pedir pra sair mais cedo por que vai perder o horário ..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alinson, fique à vontade para expor sua argumentação por aqui. Como já disse a outro visitante que por aqui veio, com argumentos parecidos com os seus, é ótimo que meus leitores tenha uma segunda opinião. Não sei se é TJ, se é um simpatizante, mas isso não importa muito.

      Vamos à sua argumentação:

      O capítulo três de de Daniel não se compara em nada ao capítulo 28 de Atos. Em Daniel estava envolvido idolatria e isso era um pecado que levava à morte, segundo os 10 mandamentos. A idolatria ainda é um pecado grave hoje e nenhum idólatra será abençoado por Deus em época alguma. A menção a idolatria no capítulo 28 de Atos não é o mesmo caso, pois Paulo explicou que o importante era levar em conta a consciência de um irmão, apenas isso.

      Quanto ao amor entre as pessoas, é verdade que um marido pode hoje doar sangue para salvar a esposa e amanhã pode matá-la com um tiro. Mas isso em nada influi na questão do sangue, se é certo ou errado. O assunto do sangue tem que ser avaliado segundo a Bíblia e só. Se é certo, se é errado, cada um decide por si, conforme interpreta a Bíblia.

      Grande abraço!

      Excluir
    2. a menção que eu fiz não foi com relação ao capitulo 28 de atos e sim Atos: 15: 28,29. a mesma mão que escreveu que devemos abster-se de sangue foi a mesma mão que escreveu que devemos abster-se de coisas sacrificadas aos ídolos ou seja ainda é no mesmo versículo, mas infelizmente as pessoas não se dão conta de que são quatro pecados equivalentes a questão do sangue a questão das coisas sacrificadas aos ídolos (idolatria), a carne sufocada como traz em algumas traduções e a fornicação ou imoralidade sexual.. aí lista quatro pecados equivalentes. então a questão de Daniel entra sim em pauta. em contra partida argumente outra coisa. argumento muito fraco.

      Excluir
    3. Alison, minha referência a Atos 28 (onde deveria constar 15) foi um erro de digitação, pelo qual peço desculpas; fora isso, os argumentos permanecem. Quanto a se os argumentos meus e aos seus são fortes ou fracos, essa é uma avaliação que cabe aos leitores.

      Entendido, amigo?

      Grande abraço!

      Excluir
    4. ok então! interessante toda essa questão sobre as transfusões.. mas como eu já havia falado e dentro da bíblia consta essa ordem e não só para aqueles que seguem as testemunhas de Jeová, essa ordem tem em todas as bíblias agora cabe a cada religião seguir a ordem ou não.. interessante que muitos vem aqui falar do amor e do amor ao próximo, só que muitos aqui de várias religiões vão a guerra pra defender a sua pátria e perdem suas vidas por conta da pátria e são considerados heróis pelas suas religiões pelos seus familiares pela própria pátria por matarem pessoas de outros países, mas não são capazes de obedecer uma ordem da bíblia.. Lourisvaldo e agora? interessante né? mas eu te admiro Lourisvaldo pelo menos você tenta encontrar respostas pra satisfazer o teu coração com respeito a esse assunto mas é como o diz o próprio Jesus Cristo em Mateus cap: 10:28 (e não fique com medo dos que matam o corpo, mas não podem matar a alma; em vez disso, temam aquele que pode destruir na Geena tanto a alma como o corpo). Ou seja cara você ainda consegue ser pior que os soldados que vão a guerra matar os seus próprios irmãos por que de fato Deus pode traze-los de volta a vida, agora você com toda essa sua filosofia e engano será que tem a mesma oportunidade? abraços Lourisvaldo.

      Excluir
  11. Lourisvaldo, excelente texto. Bem explicativo e de acordo com a Palavra de Deus. Como eu disse anteriormente, prefiro não entrar em polêmica. Hoje vivemos a Nova Aliança e o Velho Testamento serve como referência histórica. Quem desejar misturar o velho e novo (Mateus 9:16-17), não vai dar certo.

    Gálatas 3:10) tem a resposta para quer fazer apenas o que se convém do Velho Testamento. Obrigado pela visita e comentário.
    Abraço

    ResponderExcluir
  12. Muito completo e dignificante texto sobre a Natureza da Vida. É difícil aos Dirigentes (sábios) das cúpulas das Religiões cederem e ajustarem as suas crenças, mesmo quando as evidências dizem serem erradas; isso (para eles) é quebra de autoridade.
    O "problema" deve andar por aí.


    Abraço
    SOL

    ResponderExcluir
  13. Eu acho muito triste tudo isso :(

    Um lindo dia pra Lourisvando

    ResponderExcluir
  14. Eu gostei de você ter esclarecido sobre esse ponto da crença religiosa!
    Eu respeito a opção de cada pessoa, afinal vivemos num país laico na qual cada um é livro para crer em determinada palavra e quem somos nós para contestar.
    No meu curso já falamos bastante sobre isso e deu até polêmica e discussão.
    Eu, não sou testemunha de Jeová, mas sou evangélica e creio no mesmo Deus. Porém eu nesse caso, não interpreto a Bíblia dessa forma, sendo portanto, a favor da transfusão.
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  15. Boa tarde Lourisvaldo!
    Infelizmente cada pessoa tem uma maneira de interpretar a bíblia,
    por isso antes de ler temos que pedir sabedoria ao Divino Espírito Santo. Deus nos deu a vida e capacitou os médicos para nos curar.
    Se Deus nos dar mais uma chance de vida e se for através da
    transfusão de sangue não devemos esperdiçá-la.
    Cada um tem a sua religião e segue de sua maneira, eu quero seguir
    o Deus vida e da vitória!

    Tudo de bom pra ti amigo!
    Abraços

    ResponderExcluir
  16. olá, lourisvaldo - estou escrevendo com a mão esquerda.

    li sua postagem, todinha, tal como comentários e respostas e lhe digo k há um equilíbrio, uma confraternização, um entendimento saudável na ordem dos 90 por cento. Parabéns a todos.

    discutir ideias, independente do seu teor, COM ELEVAÇÃO, RESPEITO, DIGNIDADE, E NUNCA COM PROVOCAÇÃO E REBAIXAMENTO, tem mto mérito e quem não o conseguir fazer, é nossa obrigação acolher, BEM RECEBER, como voce sempre faz aqui, e esclarecer, dentro do k sabemos, k até pode ser o antípoda daquilo k o outro sabe, julga saber ou interpreta, mas da discussão nasce a luz, se diz. O verbo interpretar é fundamental e não o devemos deturpar. caso não saibamos, nem entendamos certos conceitos, o melhor será pedir ajuda a quem sabe um pouco mais k nós, mas longe de saber TUDO.
    ninguém é detentor de verdades absolutas, nem de todo o conhecimento, a não ser Deus.

    uma sugestão de uma mulher católica - qdo houver rebaixamento, comparações negativistas, descida de nível, desafios vulgares e palavreado que roce ou seja mesmo buçal, NÃO RESPONDA, ou RESPONDA enviando um abraço em CRISTO.

    voce tem sido um cavalheiro, um homem gentilíssimo, cordato, respeitoso e respeitador.

    DEUS É AMOR, TOLERANCIA E NÃO ÓDIO. VAMOS TENTAR SEGUI-LO E IMITÁ-LO - ponto de interrogação.

    beijo e um cordial abraço.

    ResponderExcluir
  17. Oi Lourisvaldo, é a Vi, um caminho mais difícil? Creio que o ser humano é tão arrogante e presunçoso que não pode aceitar simplesmente o sacrifício de Jesus na cruz por sua salvação, ele tem que criar uma serie de dificuldades, rituais, sacrifícios, para valorizar a si próprio, tipo, vejam tudo que eu fiz para ser salvo, o quanto eu trabalhei e etc.
    Deus não divide a gloria Dele com ninguém..
    Mas até onde sei, não aceitar transfusão é um fator menos significativo quando não se aceita a divindade de Jesus.
    como no Islã, para eles Jesus é só um profeta.
    Por isso eles não podem viver na graça.
    Obrigada por seu carinho no Tacho.
    Abraços,Vi

    ResponderExcluir
  18. Excelente trabalho sobre um assunto bastante polémico.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    ResponderExcluir
  19. Um assunto polémico que importa seja debatido...boa noite!

    ResponderExcluir
  20. Oi Lourisvaldo!

    Um assunto polêmico, sem dúvida!
    Mas os argumentos utilizados pelas Tjs são tão pueris quanto a inteira doutrina que pregam com orgulho.
    As Tjs são contraditórias em muitos aspectos, mas no que diz respeito à transfusão de sangue, o que dizer sobre isso?

    "Segundo A Sentinela de 1 de Junho de 2.000, todas as frações do sangue obtidas a partir dos assim denominados "componentes primários" do sangue pela Sociedade (glóbulos vermelhos, brancos, plaquetas e plasma) podem ser utilizadas pelos cristãos, desde que sua consciência o permita.

    Se a doutrina que proíbe o sangue tem apoio bíblico, onde na Bíblia se encontra apoio para que rejeitemos o sangue integralmente composto, mas aceitemos praticamente todos os seus componentes de forma separada?

    Este conceito não existe na Bíblia! E aí? Como eles explicam isso?

    Abraços

    ResponderExcluir
  21. Parabéns pelo texto ! Estudo muito bem feito !

    Ótimo blog também !

    http://pescando-estrela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Salvei o post para ler com um pouquinho mais de calma. Esses assuntos exigem uma reflexão maior, né?

    http://www.1001julietas.com

    ResponderExcluir
  23. Na minha opinião eu deixaria a religião e salvaria o ente querido que precisasse de transfusão, e sem pestanejar, é claro que com toda carga de experiencia que tenho tido nos ultimos anos.
    Deixei resposta p vc no post dos visitantes.
    Abraços.

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Respeito todas as religiões e crenças, mas algumas vezes fica tão difícil entendê-las... Acredito que enquanto há vida há esperança, por isso enquanto podemos fazer algo por alguém, devemos fazer!

    Mas...

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  25. Gosto de pensar que a vida é um presente muito precioso e como tal, devo zelar por ele com muito amor e carinho, fazendo o que está ao meu alcance para preservá- lo.
    Obrigada pelo cumprimento ao dia das mulheres.
    Um abraço, Sônia.

    ResponderExcluir
  26. Um tema polêmico e não cabe a mim fazer julgamentos mas penso que se Deus nos Deus a vida e oportunizou meios para que possamos continuar usufruindo-a é inconcebível negar ao ser humano o direito de viver por crenças alicerçadas na interpretação que se faz de um livro sagrado. Há que se ter bastante conhecimento e ponderação na leitura de tais fundamentos para uma decisão tão extremada.
    Um ótimo dia caro amigo
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  27. Olá, Lourisvaldo
    Eu não tenho receio de externar minha opinão, sõ mesmo os idiotas podem crer em um Deus que quer sua morte. Mas cada um faz sua escolha.
    Obrigado pela visita no meu blog
    Um abraço, paz e bem

    ResponderExcluir
  28. Olá!

    Muito interessante, é sempre bom conhecermos os pontos de vista de outras religiões.
    Essa semana mesmo, estávamos levando em pauta esse assunto na faculdade... Embora não seja pertinente à religião, a respeito e gosto muito de conhecer um pouco mais.

    Tamires,
    http://nossomundorose.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Bom dia,precioso!

    Trouxe pra tu...

    "Os homens não são todos iguais. Existem aqueles que servem a Deus."

    **********------**********

    "Ensina-me a te amar, ensina-me a te ouvir, guia-me para me profundar em teu amor sem fim…"

    **********------**********

    Peço que todas as manhãs tu me fales do teu amor, pois em ti eu tenho posto a minha confiança. As minhas orações sobem a ti; mostra-me o caminho que devo seguir.

    ********--------**********

    “Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. Pelo que não temeremos, ainda que a terra se mude, e ainda que os montes se projetem para o meio dos mares; ainda que as águas rujam e espumem, ainda que os montes se abalem pela sua braveza. Há um rio cujas correntes alegram a cidade de Deus, o lugar santo das moradas do Altíssimo. Deus está no meio dela; não será abalada; Deus a ajudará desde o raiar da alva. Bramam nações, reinos se abalam; ele levanta a sua voz, e a terra se derrete. O Senhor dos exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. Vinde contemplai as obras do Senhor, as desolações que tem feito na terra. Ele faz cessar as guerras até os confins da terra; quebra o arco e corta a lança; queima os carros no fogo. Aquietai-vos, e sabei que Eu sou Deus; sou exaltado entre as nações, sou exaltado na terra. O Senhor dos exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.”

    *******--------********

    Por hoje é só.
    Que seu domingo seja muito abençoado.
    Um grande abraço!
    "O amor une perfeitamente todas as coisas."

    ResponderExcluir
  30. A matéria é interessante, e respeito sua opinião e ponto de vista de todos que comentarão.
    Mas, cientificamente falando, assim como teve a descoberta do uso do sangue para salvar vidas, tambem houve avanços na tecnologia para usar meios para salvar vidas sem o uso do sangue, por que o uso do sangue pode trazer a curto prazo rejeição por parte do paciente mesmo sendo o mesmo tipo sanguinio e a longo prazo doenças que podem ser transmitidas por meio do uso do sangue como:HIV, epatite, chagas, sifilis, e varias outras doenças que podem ser transmitidas por meio do uso do sangue. Por esse motivo a relatos de pessoas que não são de nenhuma religião que não fazem transfusão de sangue.
    Com respeito ao assunto biblico o texto de atos 15:28,29 diz que se deve abster do sangue, a palavra abster-se significa "o impedimento da realização de qualquer uso de algo", nesse caso o sangue.
    Eu jamais gostaria de ver alguem ou meus filhos ou qualquer pessoa morta por não usar meios para salva-los, mas se há meios disponivel na tecnologia salvar essas vidas sem desobedecer uma orientação da biblia.
    Portanto por que eu iria desobedecer essa orientação sendo que mesmo que eu aceite receber o sangue e não morra num momento de necessidade, e morra só de velhice eu corro o risco de perder a aprovação de Deus e a oportunidade de viver para sempre sendo fiel as leis de Deus na biblia.
    Em joão 11:25 diz que quem morrer por fé nas orientações de Deus vivera de novo e bem melhor do que agorá.
    E com todo respeito não amenize as orientações da biblia dizendo que isso foi escrito apenas para acabar com um atrito entre os cristãos daquela época, toda a escritura é util diz 2 timoteo 3:16
    Muitos não entendem tambem assim como o não uso do sangue, por que não se deve ter ralação sexual antes do casamento, que é fornicação ou imoralidade sexual, por que então na biblia há essa lei? se não faz mal a ninguem? Na realidade a relação sexual é algo até prazeroso e que não tráz doenças se for feita com os devidos cuidados e proteção.
    Mas a biblia orienta a não praticar a fornicação em atos 15:20 e 29 junto com não usar o sangue, mas a maioria das pessoas praticam.
    Portanto o não uso do sangue descrito na biblia leva a concluir que inclui sim transfusão de sangue.
    Mas sinceramente num momento de desespero não sei se aceitaria ou não, respeito a opinião de cada um e creio que Deus leva em conta a situação de cada um no momento de desespero.
    Mas mesmo analizando o contexto a biblia condena sim o uso de sangue seja para cozinhar, tomar ou em tranfusões de sangue.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! srsrs
      Gostei de suas palavras, pois revelam um conhecimento aprofundado do assunto. realmente não é fácil tomar uma decisão dessas em momentos de desespero. Em todo o caso, meu desejo é que você procure ler mais e mais sobre esse assunto tão delicado, de modo que possa tomar uma decisão exclusivamente sua sobre essa questão, não em razões das opiniões ou conceitos de A ou B.

      Muito agradecido por sua visita!
      Grande abraço!

      Excluir
  31. SE O BOM SAMARITANO precisasse DOAR SANGUE, ele teria doado. E o Senhor Jesus falaria a mesma coisa, que ele agiu com o verdadeiro AMOR AO NECESSITADO.

    AS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ, É UMA SEITA CHEIA DE ENGANO!
    .
    .

    ResponderExcluir
  32. Lourisvaldo Santana,

    Seus argumentos são interessantes!! Mas infelizmente não são validos. Percebe-se na estrutura do seu blog que vocês guarda um grande ódio das testemunhas de Jeová e principalmente dos princípios envolvidos. Minha pergunta é PQ esse ódio de desmascarar o que está na bíblia?Ai vc fala de respeito e tolerância religiosa? Como se seu objetvo é derrubar ensino? Argumentos? Pq não publica aqui espiritismo? Catolicos nas cruzadas? Quantas pessoas a Igreja matou? Não publica que cada pastor de esquina se aproveita de fieis e pedem dinheiro saqueia o que elas não tem?PQ tem que ser TJ? Ou Lorival não somos cegos, não temos a fé cega, sem base? Não vamos pro salão do Reino e concordamos de forma simples o que dizem o anciãos, as pessoas aqui talvez nunca tenha assistido uma reunião..ele tem que comprovar o que está na biblia!Somos Advogados, médicos, contadores, engenheiros, temos várias formação, somos pessoas estudadas, mais uma vez afirmo nossa fé não é cega ela precisa de embasamento, somos imperfeitos também, sofremos, choramos ..Isso que vc coloca aí não é uma decisão fácil++Pra nenhuma pessoa..Foi facil para Deus dar seu filho...derramar...Vc tem filho...ama ele....Daria o sangue dele por muitos..na pratica..não é facil...Mas temos aquilo que todo ser humanos tem Fé....Base sólida...Estudamos e pesquisamos e levamos seriamente os mandamentos...Somos 8 milhoes em todos mundo...Não acha estranho dentro da nossa estrutura não ter aprovação de Deus...Vá em qualquer lugar do mundo e vai ver uma testemunha de Jeová..Agora vc perde seu tempo com 48 seguidores...Tentando infectar as pessoas sem a menos conhecer...É preciso ter estrutura para se convecer de algo..pra mim foi dificil..quando edra estudante...E é para muitos hj..Mas confiamos em Jeová...Sabemos que ele cuida da sua organização.. e fala de repeito a opiniões dos outros...O que é polêmico vcs opositores traz..traga que damos ajuda humanitária a todas pessoas...Que valorizamos a familia..que respeitamos autoridades...que buscamos a paz...
    Agora para de perder seu tempo achando que vai conseguir exito, pare de cumprir profecia de (Lucas 21:11) ou timoteo 2:15......Não acha que seu ponto é o certo...Abra uma religião..vá pra esquina..Jesus disse de falsos profetas....Agora pare de profonar...um instituição pq não concorda...ou pq te traz...ódio..pq no seu blog só contra-testemunhas de Jeová...as pessoas não são pseuda....vc é um intolerante religioso..e algo de errado nisso...Se fosse do condomble..o DH já tinha colocado vc na cadeia...Conheço muito de religião..Sou cientista social..E não vejo nenhuma base de mudança clara nesse cenário a não ser os que os tj me apresentou... Portanto amigo..procure sua crença...e o espirito de Deus mostrara a verdade..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, fico feliz de abrir espaço para você neste humilde blog, de apenas 48 seguidores, mas já com mais de 50 mil visualizações e mais de 140 visitas por dia, muito mais gente do que eu conseguia visitar em um dia inteiro trabalhando de casa em casa.

      Você me vista voluntariamente (isso acontece com todos os meus visitantes, não fui à casa de ninguém convidar para ler meu blog) e fala duras “verdades”, enquanto que sua religião nos chama de apóstatas mentirosos, mas não nos dar espaço no site JW. Queria saber sua opinião sobre isso. Se você achar que isso é injusto, gostaria que fizesse campanha na sua congregação e em seu circuito para que nós, os apóstatas, pudéssemos também postar no site JW, para exercer nosso direito de resposta e nos defender das calúnias lançadas contra nós pela Torre de Vigia.

      Excluir
    2. Sobre meu blog ser voltado para apontar os erros das Testemunhas de Jeová, isso é um direito meu. Cada um fala do que sabe, eu não escrevo sobre a igreja católica ou sobre o espiritismo porque não sei o suficiente para comentar com propriedade. Mas como fui Testemunha de Jeová, então nada mais apropriado que eu escreva sobre as Testemunhas, e isso é mais do que válido, afinal de contas quem mais está preparado para falar deste assunto do que alguém que passou anos nesta religião?

      Excluir
    3. Examine melhor essa frase que você escreveu:
      “Não vamos pro salão do Reino e concordamos de forma simples o que dizem o anciãos”.
      Mais adiante você acrescenta:
      “Somos Advogados, médicos, contadores, engenheiros, temos várias formação, somos pessoas estudadas”.
      Eu sei qual foi a mensagem que você quis passar.
      Mas pensa um pouco.
      Quando o doutor ou doutora está estudando o livro Bíblia Ensina, ele ou ela não tem nenhum motivo para duvidar de que aquilo que está no livro é verdade. Se gostou da doutrina, batiza-se e vira TJ. Mas depois do batismo, se descobre sobre as falsas profecias, sobre a proibição de transplantes, sobre o acobertamento de pedófilos, sobre o caso Nações Unidas e sobre muitas outras enganações da religião, agora faz o quê? O doutor ou doutora pode sair da religião tranquilamente? Ou, ao contrário, ele não ficará proibido de falar com todos os seus amigos e familiares que ficaram na religião? Ou talvez, para continuar com a amizade com os familiares, não viverá uma farsa dentro da religião, indo ao campo e às reuniões apenas fingindo acreditar em tudo aquilo?
      Essa é a mais pura verdade, anônimo! O doutor ou doutora entra na religião porque acredita no livro Bíblia Ensina e pensa que encontrou a religião verdadeira. Depois que se batiza e descobre que é falsa, fica proibido de sair ou sai e sofre as consequências.

      Excluir
    4. Sobre eu abrir religião e ir para as esquinas e cumprir profecias de falsos profetas...Relembre um pouco a história de sua religião e veja se isso não a descreve muito bem. Não foi Russell que abriu uma religião que fez falsas profecias de 1914, 1925, 1975 e sobre uma geração que não passaria? E não é essa mesma religião que hoje prega nas esquinas com os tais carrinhos? Eu não vou fundar religião alguma, eu não tenho pretensão de viver do dinheiro alheio, como fazem agora uma dezena de velhinhos lá em Warwick, que vivem em apartamentos palacianos e com direito a lago particular.

      Excluir

    5. E a respeito de cadeia, candomblé e “DH”, antes que alguém dos “DH” me ponha numa cela trancada, haverei de passar por um tribunal, com direito a um advogado de defesa e um juiz competente para me julgar. E diante do juiz pedirei para contarem quais foram as calúnias que levantei sem provas, quais foram as declarações difamatórias que fiz. Se você não sabe, seu “cientista social”, discutir religião não é errado, dizer que outra religião acredita em doutrinas falsas a Torre de Vigia faz o tempo todo em suas revistas A Sentinela e Despertai! E não acho que você esteja propenso a correr atrás dos “DH” para força-la a parar com isso. Aliás não é a Torre de Vigia que diz em suas revistas que candomblé é coisa do Diabo, coisa de Satanás, que o cristão deve manter distância? Cadê você gritando “DH” para fazer parar essa classificação pejorativa de pessoas? Ah, talvez você clame “DH” a respeito de eu acusar a Torre de Vigia de acobertar pedófilos e se associar às Nações Unidas enquanto fica posando de santa para as Testemunhas. Mas isso tudo é mentira? Por acaso não consta tudo isso nos jornais de maior circulação do mundo e também não confirmam os governos de diversos países? Fica tranquilo, seu “cientista social”, que eu estou muito bem preparado para dialogar com alguém dos “DH”.

      Excluir
    6. O cara vem aqui fazer acusações sem provas e, não tem a coragem de se identificar, por que será? Lourisvaldo, parabéns por ter dado uma resposta à altura, respostas essas que são baseadas em provas. Eu gosto muito das suas pesquisas que vem a cada dia desmascarando essa seita. E, ainda tem gente que não tem o cimancol de querer defender-la. Mas enfim, cada louco com sua mania!

      Excluir
  33. Poderia perguntar pra ele, Lourisvaldo, como ousou não respeitar os ditames da religião, quanto a cursar ensino superior...acham que com estas respostas "altamente elaboradas", conseguem desfazer um raciocínio lógico, relativamente simples, desde que se leia com atenção todos os pontos envolvidos,não só com tuas explanações, que são dignas de um verdadeiro pesquisador, como os links que coloca para uma pesquisa cabal.Na minha opinião, acho que nem chegam a ler tudo o que está nas matérias e muito menos de mente aberta...aí misturam outros assuntos, que com certeza dariam outros longos tópicos, para fugir do o em questão.Lembro que quando "estudava",tinha o hábito de perguntar sobre outras coisas que fugiam do assunto, e minha "instrutora" sempre me cortava:"Isso vamos estudar mais lá na frente mocinha, um assunto de cada vez", e esse teria que ser o procedimento...se já não falamos desse assunto, vamos vamos falar mais a frente...agora é sobre O SANGUE!
    Mais uma vez, parabéns! aqui quem raciocina e escreve como alguém que realmente fez o ensino superior...É VOCÊ!!!!

    ResponderExcluir