terça-feira, 26 de julho de 2016

A Bíblia realmente ordena que o cristão pregue de casa em casa?

Foto: Anuário das Testemunhas
 de Jeová de 2016, página 57. 

Quando uma Testemunha de Jeová deseja justificar para si mesma que tem a religião verdadeira, ela geralmente compara a sua religião com as demais e, com base em alguns conceitos que lhe foi ensinado pela Torre de Vigia, acaba por “descobrir” que pertence à única religião aprovada por Deus. Consciente disso, ela bem provavelmente usará esses mesmos argumentos para defender-se de todo aquele que lhe vier questionar a razão de sua fé. Vejamos então, em cinco perguntas, se esses argumentos realmente têm a validade que se lhes atribui. 


Esta postagem é uma citação do meu livro. Veja apresentação e opções de download aqui. 

A Bíblia realmente ordena que o cristão pregue de casa em casa?

Como quase que apenas as Testemunhas de Jeová pregam de casa em casa, isso é algo que dar a muitas Testemunhas a certeza de que compõem a única religião verdadeira. Para provar que esse conceito é correto, a organização Torre de Vigia repete exaustivamente em sua literatura os seguintes versículos (para esse estudo, as citações do livro de Atos são da Tradução do Novo Mundo, edição de 1986, em razão de que a versão de 2015 omitiu todas as notas necessárias a essa explicação):

E cada dia, no templo e de casa em casa, continuavam sem cessar a ensinar e a declarar as boas novas a respeito do Cristo, Jesus (Atos 5: 42).
Ao passo que não me refreei de vos falar coisa alguma que fosse proveitosa, nem de vos ensinar publicamente e de casa em casa (Atos 20: 20).

Mas a respeito de Atos 5: 42, a Tradução do Novo Mundo trás a seguinte nota associada à expressão “de casa em casa”:


A nota abaixo consta na mesma versão bíblica e é associada à expressão “em lares particulares” de Atos 2: 46, que é citado logo em seguida.


E dia após dia assistiam constantemente no templo, de comum acordo, tomando as suas refeições em lares particulares e participando do alimento com grande júbilo e sinceridade de coração (Atos 2: 46) .

A respeito dessas notas, concluímos que a palavra grega kat’ oí·kon foi traduzida de dois modos: “de casa em casa” e “em lares particulares”.  A nota associada a Atos 2:46 acrescenta ainda que “de casa em casa” é uma tradução alternativa para a palavra grega.

Diante disso, surgem algumas perguntas: Por que os tradutores, em sua nota de Atos 5: 42, não acrescentaram que “em lares particulares” é uma tradução alternativa para a palavra grega? Por que deram uma explicação extensiva em Atos 5: 42, quando a palavra kat’ oí·kon ocorre primeiro em Atos 2: 46?

O que cito a seguir é a nota associada à expressão “de casa em casa” de Atos 20: 20, conforme consta na Tradução do Novo Mundo:


Mais uma vez os tradutores admitem que a palavra grega (agora no plural) pode corretamente ser traduzida com a expressão “e em casas particulares”.

Que não há unanimidade sobre a tradução correta dessa palavra pode ser vista em uma consulta que fez Raymond Franz em 27 traduções da Bíblia, a maioria em inglês. Abaixo cito onze da lista de 27 que consta em seu livro Em Busca da Liberdade Cristã, à página 255:



Com isso, vemos que não é possível deduzir desses versículos que pregar de casa em casa é uma ordem bíblica, como entende a Torre de Vigia. Mas para reforçar a sua argumentação, ela recorre a outras passagens bíblicas dos evangelhos, que são citadas abaixo:

Em qualquer cidade ou aldeia em que entrarem, procurem nela quem é merecedor e fiquem ali até partirem. Ao entrarem na casa, cumprimentem a família. Se a casa for merecedora, venha sobre ela a paz que lhe desejam; mas, se ela não for merecedora, que a paz volte a vocês. Onde quer que alguém não os receber nem ouvir as suas palavras, ao saírem daquela casa ou daquela cidade, sacudam o pó dos seus pés (Mateus 10:11-14) .
Em qualquer casa onde entrarem, digam primeiro: ‘Haja paz nesta casa.’ E, se ali houver um amigo da paz, a paz de vocês descansará sobre ele. Mas, se não houver, ela voltará para vocês.  Assim, fiquem naquela casa, comendo e bebendo as coisas que lhes oferecerem, porque o trabalhador é digno do seu salário. Não fiquem mudando de uma casa para outra (Lucas 10:5-7).

Para salientar a sua argumentação, a Torre de Vigia costuma dar destaque às partes que sublinhei, ao passo que o contexto geralmente é omitido. Mas como se pode ver acima, nas partes não sublinhadas, o contexto deixa evidente que Cristo estava dando orientações sobre como conseguir hospedagens, apenas isso.

Além disso, resta o fato de que nenhum relato dos evangelhos mostra Jesus pregando de casa em casa. Ele visitou famílias, pregou em praça pública, pregou em viagens quando encontrava pessoas em circunstâncias apropriadas, mas nunca o vemos pregando de casa em casa. Em nada isso indica, porém, que se trata de um método errado, mas apenas não é uma clara ordenança bíblica como faz parecer a Torre de Vigia.

Para uma consideração detalhada sobre esse assunto, veja o capítulo sete do livro Em Busca da Liberdade Cristã, de Raymond Franz. 

[Copiado de Testemunhas de Jeová - o que elas não lhe conta?, primeira edição, páginas 281-283]


16 comentários:

  1. Uma técnica de angariação de seguidores rápida...
    Se Maomé não vai à montanha, a montanha vai a Maomé...
    Como sempre, um post admirável, em termos de suporte informativo...
    Abraço! Continuação de uma boa semana!
    Ana

    ResponderExcluir
  2. Será que o metodo de pregar de casa em casa, tem base nas Escrituras ?"

    SIM, por exemplo, ao enviar seus apóstolos a pregar Jesus os instruiu : "Em qualquer cidade ou Aldeia em que entrardes , procurai nela quem é merecedor. " Como então eles haviam de procurar os merecedores ? " Por simplesmente fazerem visitas sociais , aqui e ali ? " Não ! Jesus ordenou-lhes que fossem as casas das pessoas , dizendo; " AO ENTRARDES NA CASA; cumprimentai a família ; e se a casa for merecedora, venha sobre ela a paz que desejais. "

    Será que deveriam esperar que as pessoas primeiro as convidassem? " Observe o que Jesus acrescentou; " Onde quer que alguém não vos acolher ou não escutar as vossas palavras ," AO SAIRDES DAQUELA CASA", ou daquela cidade , sacudi o pó dos vossos pés. " - Mateus 10;11-14 .

    Essas instruções tornam claro que os apóstolos , " ao passarem pelo território , de aldeia em aldeia", declarando " as boas novas", deviam tomara a iniciativa de visitar as pessoas nas " suas casas. " - Lucas 9;6 ;

    Portanto, com certeza este era um dos métodos apostólico. - Mateus 24;14 .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso que esse método é completamente desnecessário e impróprio ,já que é algo que incomoda as pessoas.Deus conhece o coração de cada um é o que diz a b´blia,logo não é preciso que convença esse ou aquele a aceitar essa ou aquela crença.

      Excluir
  3. Em Atos 5;42; , a frase de " casa em casa", é uma tradução da expressão grega 'kat'-oí-kon. A palavra ka-tá é usada ali no sentido distributivo. Assim, a pregação dos discípulos era " distribuida" de uma casa a outra . Comentando sobre Atos 20;20; Randolph O. Yeagar escreveu que Paulo ensinou " tanto em Assembléias" públicas, (de-mo-sí-a), como de casa em casa (distributivo (ka-tá) com o acusativo ). Isto está em harmonia com o contexto. ( Atos 20;26).

    Com quem você relacionaria dois homens/mulheres com pastas nas mãos de casa em casa, ou de porta em porta? "

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Roberto! Obrigado por visitar meu blog. Deixo sua pergunta para meus leitores refletir.
      Grande abraço! Participe sempre que quiser.

      Excluir
  4. Boa noite amigo Lourisvaldo
    A cúpula religiosa faz uma interpretação peculiar dos dizeres bíblicos adaptando-os às suas crenças e faz destes ditames as suas verdades inquestionáveis
    E seguem com suas pregações como verdades impolutas
    Um grande abraço meu amigo

    ResponderExcluir
  5. Boa noite Lorisvaldo.
    Uma bela explicação. O que eu acho é Que a bíblia pode ser interpretado de diversas formas. E cada religião as usa da melhor maneira que lhe convém. por isso que hoje digo a minha religião é Amar a Deus. Assim não me sinto obrigada a nada. A não ser tentando fazer o que Jesus nos ensinou. Um feliz fds. Abraços.

    ResponderExcluir
  6. Bom dia ! Em Atos 20;26;o apóstolo Paulo disse; " POR ISSO , EU VOS CHAMO , COMO TESTEMUNHAS, NO DIA DE HOJE, DE QUE ESTOU LIMPO DO SANGUE DE TODOS HOMENS. " O comentarista Bíblico R. C. H. Lenski em harmonia com este entendimento comentou; " NATURALMENTE , TAMBÉM, kat' oikon , que é distributivo , " DE CASA EM CASA", e NÃO MERAMENTE ADVERBIAL , " EM CASA". UM uso similar de ka-tá ocorre em Lucas 8;1; , que diz que Jesus pregava " de cidade em cidade" e de "aldeia em aldeia".

    Alguns tem argumentado que a Tradução do Novo Mundo " preferiu verter a expressão grega kat' oikon por de "casa em casa", mas que tal expressão poderia ser vertida em " lares particulares. "

    Citam que a mesma expressão foi vertida assim na própria TNM; " E dia após dia asistiam constatentemente no templo , de comum acordo, tomando as sua refeições em lares particulares e participando do alimento com grande júbilo e sinceridade de coração, louvando a Deus. " - Atos 2;46,47.

    Visto que neste texto tem a mesma expressão kat' oikon por qual motivo a TNM traduziu " em lares particulares " ao invés da expressão " de casa em casa ?

    Gostaria ,que o Senhor Lourisvaldo Santana , respondesse esta pergunta !"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Roberto! Tudo bom com você?

      Bem, analisemos a questão.

      Na minha postagem eu chamo a atenção para o ato de que Jesus, segundo Mateus e Lucas, dar instruções sobre como conseguir hospedagens, não sobre ir de casa em casa. Veja:

      "Em qualquer cidade ou aldeia em que entrarem, procurem nela quem é merecedor e fiquem ali até partirem"

      Ali onde? Na casa que os recebessem. Isso fica mais claro no evangelho de Lucas.

      "Assim, fiquem naquela casa, comendo e bebendo as coisas que lhes oferecerem, porque o trabalhador é digno do seu salário. Não fiquem mudando de uma casa para outra"

      Note que, segundo Lucas, Jesus diz que, depois de encontrarem hospedagem, não deviam ficar mudando de casa em casa, de uma hospedagem para outra. Agora é lógico, se a partir dessa hospedagem os discípulos visitassem a casa vizinha ou até um bairro inteiro, indo de casa em casa, isso é outra coisa. Não podemos fundamentar nossos conceitos em deduções. Quanto às traduções da palavras grega no livro de Atos, não há unanimidade sobre a tradução correta dessa palavra, você pode listar 10 autores a seu favor e eu posso citar 10 a meu favor e nosso diálogo se estenderiam desnecessariamente e ficaria muito cansativo tanto para você como para mim.

      Grande abraço, meu querido!

      Excluir
    2. Cara sabe de nada da Bíblia!!! Estuda mais gramática!!! Você acha que a Bíblia é entendida de qualquer jeito!!! Entenda que é um livro sagrado e quem interpretar ela nunca vai entender ela.Só pode entender a Bíblia quem é humilde de mente aberta e principalmente quem tem espírito santo!!!

      Excluir
  7. Boa tarde ! Obrigado pela resposta !'

    Nós podemos observar que em Atos 2;46,47 ; o contexto é diferente.Ao se traduzir um texto é importante considerar e conhecer a história também !'

    Alguns dizem; "Não é o mesmo acusativo singular , distributivo ? E ser distributivo significa necessariamente que tem que ser consecutivo ? "

    O que muitos críticos da Tradução do Novo Mundo despercebem, é que o apóstolo não se referia unicamente a visitas sociais feitas a anciãos , ou a visitas de pastoreio nas casas de concrentes. As suas palavras seguintes mostram que ele se referia a um ministério de casa em casa de pessoas " DESCRENTES", pois Paulo disse logo em seguida ; " Dei cabalmente testemunho , tanto a Judeus como a Gregos , do arrependimento para com Deus e da fé em nosso Senhor Jesus. ( Atos 20;21 ) Os cobcrentes já se haviam arrependidos e depositado fé em Jesus. Assim, tanto em Atos 5;42; como em Atos 20;20; a expressão grega tem haver com a pregação a descrente de " Casa em Casa", ou de " porta em porta. " Descontextualizar versículos e estudá-los com uma visão cujo objetivo é combater as Testemunhas de Jeová, não é um motivo acéitavel para se pesquisar as Escrituras sagradas. " Eu poderia até mesmo criar um site para atacar especialmente uma igreja , contudo, isso não seria imitar nem Paulo e nem Cristo , nem ter uma mente semelhante aos da antiga Beréia , que analisavam cuidadosamente o que os Apóstolos , inclusive Paulo pregava. Isso não seria ter uma mente Bereana", mas eu poderia colocar o nome do meu Site de " MENTES LEVIANAS. "

    ResponderExcluir
  8. Infelizmente a religião usa de suas artimanhas para atrair fiéis. Bom te ver por aqui novamente, Lourísvaldo!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  9. Vejamos Atos 10;42; " Também , ele nos ordenou que pregassémos ao povo e que déssemos um testemunho " CABAL", de que este é o decretado por Deus para ser juiz dos vivos e dos mortos. "

    Comentando sobre as palavras de Paulo em Atos 20;20 , Abiel Abbot Livermore que estudava com Imparcialidade este texto escreveu, em 1844; "

    " Ele, Paulo não se contentava em meramente proferir discursos na assembléia pública, dispensando outros meios , mas zelosamente realizava sua grande obra em particular, de casa em casa , e , literalmente , levava a verdade do céu ao lar e ao coração dos efésios ; "

    Mas recentemente foi dito; " A disseminação do evangelho de casa em casa caracterizava os cristãos do primeiro século desde o ínicio ( cf. Atos 2;46; Atos 5;42)... Paulo cumprira cabalmente sua responsabilidade tanto para com os Judeus como para com os Gentios em Éfeso , e eles não teriam escusas , caso perecessem em seus pecados. " - The Wesleyan Bible Commentary , Volume 4, páginas 642, 643.

    O Erudito alemão Hans Bruns justifica sua tradução " de casa em casa", em Atos 5;42, dizendo; " Segundo o texto original , parece que eles iam de casa em casa. "

    Horstz Balz e Gerhard Schneider , editores de um Dicíonario Exégetico do Novo testamento , dizem que esta expressão pode ser traduzida " casa após casa". " Diversas obras de referência em Inglês explicam esse versículo de maneira similar . O Dr. A. T. Robertson, em seu Livro World Pictures in the New Testament ( Quadro Verbais do Novo Testamento), comenta o seguinte sobre Atos 20;20;

    " Pelas (segundo as ) casas .É digno de nota que este maior de todos os pregadores pregou de casa em casa e não fez de suas visitas , meras visitas sociais. " - 1930 , Vol. III , pp. 349, 350.

    https://www.jw.org/pt/publicacoes/videos/traducao-das-boas-novas/

    Mateus 24;14; " Estas boas novas do reino, serão pregadas em toda a terra habitada, em testemunho a todas as nações ,e então, virá o fim."

    ResponderExcluir
  10. O Sr. citou R. Franz , em seu argumento R. Franz , diziam que os primitivos cristãos eram escravos e por este motivo não podiam pregar de casa em casa. A pergunta é ; " Eram os escravos nos tempos bíblicos tão preso assim ?"

    Por exemplo, Filêmon era cristão e Dono de escravo. Se os primeiros cristãos fossem em sua maioria escravos e impedidos de pregar , como é então que ouviram a pregação e deram os nesessários passos para se tornarem cristãos ? "

    Observe 1 Timotéo 6;2; muitos cristãos eram donos de escravos e muitos deles co-irmaos. Mateus 25;14,15 ; indica que muitos escravos tinham certa medida de liberdade por conquistar a confiança dos seus amos , o que certamente acontecia com muitos irmãos , cristãos que eram escravos . E por ai vai ......

    Portanto, um argumento descabido, e sem base bíblica !'

    ResponderExcluir
  11. O que mostra os registros históricos ?

    Celso, o primeiro a escrever contra o cristianismo , transforma em zombaria o fato de que trabalhadores braçais , sapateiros, lavradores , os mais desinformados e cômicos dos homens , sejam zelosos pregadores do evangelho." ( The History of the Christian Religion and Church , During the Three First Centuries , ( A história da Religião e da Igreja Cristã , nos três primeiros séculos ), de August Neander , traduzido do Alemão para o Inglês por Henry John Rose , 1848, p. 41 )

    " Jesus era de Nazaré ... nos ordenou que pregassémos ao povo que e que déssemos um testemunho " CABAL" de que este é o decretado por Deus para ser Juíz dos vivos e dos mortos. " - Atos 10; 38,42.

    Quando alguém aceita a hospitalidade dos outros, passa a ter a obrigação de comporta-se como convidado apreciativo . Jesus Cristo trouxe isso a atenção quando disse aos seus discípulos ; " Ficai naquela casa , comendo e e bebendo as coisas que convém . Não vos estejais trasnferindo de casa em casa. " ( Lucas 10;7) Ao dizer isso, Jesus tornava claro que os seus discípulos não deviam depreciativamente abandonar o lar de alguém que lhes ofereceu hospitalidade, a fim de ir para outro lugar , onde o morador pudesse prover mais conforto e mais alimento . Se concluirmos que ele estava proibindo seus seguidores de irem de casa em casa , isso entraria em conflito com o texto de Atos 5;42; e Atos 20;20; onde lemos;

    " todos os dias , no templo, e de casa em casa , não deixavam de ensinar e proclamar que Jesus é o Cristo. " - Atos 5;42; ( NOVA VERSÃO INTERNACIONAL)

    " E todos os dias , no templo e de casa em casa , não cessavam de ensinar , e de anunciar a Jesus , o Cristo. " - Atos 5;42 ; ( VERSÃO ALMEIDA)

    " Como não vos esquivei de vos anunciar coisa alguma que útil seja, ensinando-vos publicamente e de casa em casa. " - Atos 20;20; ( ALMEIDA REVISADA)

    Varias versões respeitadas da Bíblia verteram da mesma forma que a tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas; Podemos citar além das versões acima;

    The New American Standard Bible

    English Standard Version

    New International Version

    A Versão Católica Douay

    The Holly Bible An American Trnalation

    The Niv Theologycal Dictionary of New Testament Words

    Portanto, as Testemunhas de Jeová seguem a ordem bíblica de Mateus 28; 19; " Ide portanto e fazei discípulos de todas as nações , ensinando-as. "

    Procuramos alcançar as boas novas com a língua nativa das pessoas , por isso temos publicações em 800 idiomas, e ajudas os cegos ,com publicações em Brile e os Deficientes Auditivos, com as libras ! Portanto, não se pode negar que as Testemunhas de Jeová levam a sério a ordem de Cristo ." ( Mateus 24;14 ).

    ResponderExcluir
  12. Meu caro Ravel. Talvez o que você deveria pensar mais é porquê as testemunhas de Jeová mantém todos os seus fiéis sob a obrigação de pregar (passam a ser inativos se ficarem 6 meses consecutivos sem pregar) tirando-lhes a liberdade qu le pertence a Cristo. O que conseguem e o que ganham com essa imposição?

    ResponderExcluir